WhatsApp Image 2021-07-16 at 10.09.17

Veja 3 dicas para habilitar novamente o seu radar

No início de julho, empresas cadastradas no Siscomex e com radar ativo, que não aderiram ao Domicílio Tributário Eletrônico (DTE), estão sendo desabilitadas.
Com isso as empresas acabam sendo impedidas de importar ou exportar, pois de acordo com a Instrução Normativa RFB Nº 1984, de 27 de outubro de 2020 a falta de adesão ao DTE é requisito de admissibilidade para habilitação no sistema que operacionaliza o Comércio Exterior.

1- Verifique no site da Receita Federal do Brasil a situação do seu RADAR.

2- Caso o seu RADAR esteja desabilitado, será necessário solicitar nova habilitação via e-CAC, mas antes disso, é necessário saber se sua empresa possui adesão ao DTE e se ele está ativo, então consulte seu departamento contábil ou fiscal para ter certeza de que tudo está correto, e só então siga com os procedimentos para nova habilitação.
Mas não deixe isso para a última hora. Ter o RADAR habilitado é o pré-requisito para qualquer operação de Comércio Exterior e o não cumprimento dessa primeira etapa pode prejudicar sua logística e causar atrasos, além de custos desnecessários com a paralisação da sua carga.

3- Confirmada a adesão ao DTE, oriente o responsável pela área fiscal ou contábil da sua empresa a manter a adesão, que garante o Radar Siscomex ativo e que a empresa não terá impacto nos seus processos de importação e exportação.

Atuali Comex - Todos direitos reservados. Site atualizado em 2021.

Abaré - Estratégias de MKT & Vendas